Ser honesto não é o suficiente

Não sei se você já acompanhou a imprensa em Cuba ou na Venezuela. Nesses anos que tenho acompanhado esses jornais, eu sempre me perguntava como alguém poderia acreditar naquilo e também como é possível que um povo inteiro fosse fortemente enganado a não ver esses jornais como uma assessoria de imprensa do narcotráfico. O dia que isso ocorresse no Brasil, seria um desastre completo.

Quer ler mais?

Inscreva-se em www.tltv.com.br para continuar lendo esse post exclusivo.

Assine Agora