Colômbia descriminaliza assassinato de bebês até 24 semanas

Atualizado: 14 de mai.

Por Nova Iguaçu 24h


O Tribunal Constitucional da Colômbia decidiu nesta segunda-feira (21/02), por 5 votos a 4, descriminalizar no país o assassinato de bebês em gestação até a 24ª semana.


A trágica decisão eugenista acompanha uma tendência de facilitação da morte de bebês que já acontece em outros países latino-americanos, como a Argentina, onde o assassinato de nascituros foi legalizado pelo Congresso no final de 2020, e como México, cuja Suprema Corte também autorizou o procedimento assassino geralmente nomeado pelo eufemismo “aborto”.


O Tribunal Constitucional deixou claro que seu comportamento nesta decisão foi eminentemente político, e não jurídico, ao emitir um comunicado no exortando o Congresso e o governo colombianos a garantir que a decisão seja cumprida no menor tempo possível.


Tempos sombrios para a América Latina, que tem tornado a eleger governantes comunistas ou filocomunistas nos últimos anos.